Cadastro de Veículos

A tela de cadastro de veículos é de suma importância para o GESCOR. É a partir dela que são registrados os veículos que serão utilizados nos processos que envolvem movimentações e faturamentos no Gescor, seja por emissão de nota fiscal propriamente dita ou mesmo a partir do diário de viagens e documentos de transportes.

Para acessar a tela de cadastro de veículos será necessário selecionar o menu “Cadastros”, posteriormente selecionar a opção “Complementares”, então a opção “Vinculados ao Veículo” e por fim “Veículos”.

Ao selecionar a opção veículos, será exibida uma tela em branco com opções de cadastro. Para incluir um novo veículo basta selecionar a opção “Incluir”, caso seja necessário efetuar uma alteração em algum cadastro, basta selecionar a opção “Alterar”.

Ao selecionar uma das opções acima, será exibida a seguinte tela. Vamos segmenta-la em A, B e C para que todos os campos sejam abordados:

TELA A:

  1. Placa: Respectivo á placa do veículo que será cadastrado
  2. Frota: É o nº do veículo na frota (caso exista identificação por número)
  3. Descrição: É uma descrição do veículo que estará sendo incluído ou mesmo modificado.
  4. Chassis: Refere-se ao código do chassis do equipamento
  5. Marca: É a marca do veículo cadastrado (para cadastrar a marca pode encontrar o manual clicando aqui)
  6. Modelo: Campo respectivo ao modelo do veículo (para cadastrar o modelo, pode encontrar o manual clicando aqui)
  7. Cor: Respectiva a cor do veículo cadastrado
  8. Proprietário: É o dono do veículo, por exemplo transportadora, prestador de serviço de fretes agregado. (Quando o veículo pertencer a frota própria o campo deverá ser deixado em branco)
  9. Motorista: Refere-se ao motorista do veículo (este campo pode ser deixado em branco caso o veículo tenha mais de um motorista)
  10. Estrutura: Refere-se a como o veículo é dividido. Por exemplo, se fosse um veículo tanque, poderia ser registrado a especificidade junto do número de compartimentos. (Para para cadastrar a estrutura, basta acessar o manual clicando aqui)
  11. Tipo: Refere-se ao tipo de veículo. Cavalo, carreta, caminhão, caminhonete, truck, VUC entre outros. (para cadastrar o tipo, pode encontrar o manual clicando aqui)
  12. Cavalo: Este campo serve para associação de um equipamento ao outro. Por exemplo, se este veículo fosse uma carreta, o mesmo seria associado a um cavalo mecânico neste campo.
  13. Ano de fabricação: Respectivo ao ano de fabricação do veículo
  14. Ano modelo: Respectivo ao ano do modelo do veículo> Por exemplo: Ano 2008/Modelo 2009
  15. Placa 2: Refere-se a placa da carreta/reboque caso o veículo seja um cavalo mecânico.
  16. Placa 3: Refere-se a placa da segunda carreta/reboque caso o conjunto seja um bitrem, rodotrem, ou mesmo treminhão.
  17. RENAVAM: Aqui se insere o código renavam do veículo
  18. UF do Licenciamento: Estado no qual o veículo foi emplacado.
  19. RNTC: neste campo será inserido o RNTRC do veículo caso o mesmo pertença a um prestador de serviços.
  20. Licenciamento em: É a data de vencimento do licenciamento do veículo caso o mesmo seja próprio
  21. KM: Refere-se a quilometragem do veículo no momento da compra ou mesmo para atualizações.
  22. Conjunto: é o tipo de conjunto que o veículo forma
  23. Vinculo: algum dado de vínculo do veículo
  24. Visível apenas na filial: Respectivo a filial que o veículo presta serviços, caso seja deixado 0, ele prestará serviços para todas as filiais.
  25. Opções: Caso o veículo seja vendido, roubado, furtado ou mesmo perdido (acidentado com perda total) este campo deverá ser marcado para o mesmo ser inativado.

TELA B:

  1. Vencimento do Licenciamento: Respectivo a data de vencimento do licenciamento do veículo
  2. Vencimento do INMETRO: Data de vencimento da vistoria do INMETRO
  3. Vencimento Capacidade Mecânica: Pode ser utilizado para a data de vencimento do RNTRC, ou data de vencimento de alguma manutenção específica períodica.

TELA C:

A tela C é uma das mais importantes no cadastro do veículo. É nesta tela que são cadastradas as informações respectivas ao veículo para a emissão do MDF-e. Caso alguma destas informações estiver em desacordo, a mesma gerará rejeições na transmissão do documento MDF-e para o portal nacional.

Abaixo o descritivo de cada campo:

  1. Tipo de proprietário: Respectivo ao proprietário do veículo. Existirá um combo para escolha do tipo com as seguintes opções. 0- TAC Agregado (Transportador Autônomo de Cargas Agregado), 1- TAC Independente (Transportador Autônomo de Cargas Independente) e 2- Outros (qualquer um que não seja autônomo e tenho RNTRC.
  2. Tara (kg): Respectivo ao peso do veículo VAZIO
  3. Capacidade (kg): Respectivo a capacidade de carga do veículo peso. ( PBTC – PBT) não é CMT.
  4. Capacidade (m³): Respectivo a capacidade volumétrica de carga. Por exemplo, um caminhão baú de 120 m³.
  5. Tipo de Veículo: Refere-se ao tipo do veículo, tração ou reboque.
  6. Tipo de rodado: Refere-se a configuração do equipamento. Toco, truck, bitruck, cavalo mecânico, VAN.
  7. Tipo de carroceria: Refere-se ao tipo de carroceria que o veículo possui ou trabalha.

Após o preenchimento de todos os dados, o veículo estará pronto para utilização. Observamos que é muito importante revisar o cadastro antes de finaliza-lo, pois é um cadastro extenso e o mesmo precisa estar coerente.

Atenciosamente,

Equipe de Suporte SW.